Home Blog

Morador de Videira forja o próprio sequestro para extorquir dinheiro da família

0

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (22) um homem que forjou o próprio sequestro com a intenção de extorquir dinheiro dos familiares para quitar sua dívida com uma casa de entretenimento adulto, em Videira, no meio-oeste catarinense.

De acordo com a polícia, um amigo registrou o boletim relatando não ter encontrado o colega de trabalho desde a noite anterior. Ao mesmo tempo, familiares começaram a receber solicitações de Pix por meio do WhatsApp da própria “vítima do sequestro”, onde um homem dizia estar em uma favela de Videira e, que só iria liberar o sequestrado após pagamento dos valores.

Agentes da DIC – Divisão de Investigação Criminal, juntamente com policiais militares iniciaram as buscas até localizar o sujeito em um apartamento na cidade.

Após esclarecer os fatos, o indivíduo foi preso em flagrante pelo crime de extorsão, na modalidade “falso sequestro”.

 

STJ derruba operação no RN por ter sido feita em escritórios de advogados sem a presença da OAB

0

Maioria da 6ª turma do STJ declarou nula decisão de busca e apreensão, assim como as provas obtidas ilegalmente a partir dela, em escritório de advocacia. Além de ser considerada uma determinação genérica, a busca foi realizada sem a presença de representante da OAB.

No caso, durante investigações realizadas nas operações Medellín, Anjos Caídos, Oriente e Infiltrados, destinadas a apurar os crimes de organização criminosa, associação, tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, foi expedido mandado de busca e apreensão cumprido na casa de advogado, que também utilizava o local como escritório.

A defesa alegou que o advogado sofreu constrangimento ilegal devido a um mandado considerado “amplo, genérico e irrestrito”, desprovido de fundada suspeita. Além disso, durante a busca, não houve a presença de um representante da OAB, e materiais irrelevantes aos crimes investigados foram retirados do escritório.

O tribunal de origem não conheceu do pedido de HC, pois o considerou instrumento impróprio para reversão de decisão. Segundo o tribunal, a análise de suposta nulidade dependeria de avaliação de provas.

Irresignado, o acusado recorreu ao STJ.

TRE-PR marca data de julgamento que pode cassar Moro

0

O desembargador presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), Sigurd Roberto Bengtsson, marcou a data de início do julgamento conjunto das duas ações que pedem a cassação do mandato do senador Sergio Moro (União Brasil-PR).

O dia é 1º de abril, segundo O Globo.

Já foram reservadas três sessões para o julgamento: a da data inicial, assim como as de 3 e 8 de abril.

Ainda de acordo com o jornal, os juízes do TRE-PR tomaram duas decisões em uma reunião reservada antes do Carnaval: “ninguém terá acesso prévio ao voto do relator, Luciano Carrasco Falavinha; e cada um dos sete integrantes do TRE vai fazer questão de destrinchar o voto como forma de prestação de contas à sociedade”.

Mudanças atrasaram julgamento

Foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 22, a escolha do advogado José Rodrigo Sade para a vaga de juiz do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), corte que julgará o pedido de cassação aberto contra o senador Sergio Moro (União-PR).

Lula havia indicado o magistrado no começo do mês, mas só agora a decisão foi oficializada.

Sade assume o posto deixado por Thiago Paiva dos Santos, que concluiu o mandato no TRE no final de janeiro.

Para a análise de processos envolvendo pedidos de cassação, o tribunal precisa ter o quórum completo, conforme determina o Código Eleitoral.

Um dia antes da aposentadoria de Paiva, o ministro Alexandre de Moraes, como presidente do Tribunal Superior Eleitoral, determinou a tramitação em regime de urgência da lista tríplice para preenchimento da vaga de juiz titular do TRE-PR.

Com a Corte completa, o presidente do TRE-PR, desembargador Sigurd Roberto Bengtsson, deve escolher a data do julgamento do processo que tramita contra o ex-juiz da Lava Jato.

A ação contra Moro

O Ministério Público Eleitoral do Paraná (MPE-PR) manifestou-se a favor da acolhida parcial da ação eleitoral movida pelo PL e pelo PT que pede a cassação do mandato do senador Sérgio Moro (União-PR).

A alegação dos partidos é de que Moro teria cometido abuso de poder econômico durante sua pré-campanha para as eleições gerais de 2022.

O parecer, assinado pelos procuradores da República Marcelo Godoy e Eloisa Helena Machado, foi protocolado em 14 de dezembro de 2023 e encaminhado ao Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR).

A ação eleitoral foi proposta no final de 2022 em duas ocasiões, uma pelo partido PL e outra pela federação Brasil da Esperança, formada por PT, PV e PCdoB. Ambas foram unificadas na mesma ação. Elas acusam Moro de abuso de poder econômico e uso indevido de veículos ou meios de comunicação social durante o período pré-eleitoral de 2022.

A escolha de Sade

A escolha de José Rodrigo Sade como juiz do TRE-PR já era esperada.

Ele contava com o apoio do grupo Prerrogativas, os advogados ligados ao PT que sucatearam legados jurídicos da Operação Lava Jato no combate à corrupção.

Diante dos nomes que à disposição de Lula na lista tríplice, Sade era o mais inclinado a votar pela cassação de Moro.

Saída de pista é registrada na SC-150 no interior de Capinzal

0

Uma saída de pista foi registrada no final da tarde desta quinta-feira (22) na SC-150 na comunidade de Linha Gramado, no interior de Capinzal, envolvendo um Fiat Palio Weekend.

O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 17h50 para atender a ocorrência. O condutor foi encaminhado ao hospital Nossa Senhora das Dores.

Conforme relato de populares, ele não apresentava nenhum ferimento e aparentemente tinha sinais de embriaguez.

O rapaz teria sido auxiliado por um motociclista que passava pelo local para sair do interior do automóvel.

A Polícia Militar Rodoviária esteve no local fazendo os levantamentos do acidente. O veículo estava em situação regular com a documentação. Com informações da Nativa FM.

Motorista de Jaguar responsável por morte de duas jovens vai a júri em junho

0

O responsável por um dos acidentes de trânsito com mais repercussão no Vale do Itajaí já tem data para ser julgado por um júri popular. É Evanio Prestini, motorista de um Jaguar que, embriagado, chocou-se contra outro veículo na BR-470, que provocou a morte de duas jovens e ferimentos em outras três. Será julgado nos dias 19 e 20 de junho, a partir das 9h, no Fórum de Gaspar.

Considerando a quantidade de pessoas que, em tese, irão depor em plenário – réu, três vítimas e 10 testemunhas arroladas pelas partes -, bem como que se trata de processo complexo, que poderá demandar maior tempo por ocasião da instrução plenária, é possível que a sessão de julgamento tenha duração de dois dias.

Segundo denúncia do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), em fevereiro de 2019, o motorista estaria dirigindo sob efeito de álcool o veículo, que colidiu com outro carro onde morreram duas jovens e outras três ficaram feridas. O condutor foi preso em flagrante, teve prisão preventiva decretada pelo juízo da comarca de Gaspar, recorreu da decisão e responde ao processo em liberdade.

O acusado irá a júri popular e responderá a acusação de homicídio consumado por duas vezes e homicídio tentado por três, além do artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro – conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool.

Homem mata ex e simula acidente de trânsito para se livrar do crime, no oeste

0

Uma mulher foi morta pelo ex-companheiro, que simulou um acidente de carro para se livrar do crime. O caso foi registrado nesta quinta (22), no bairro Efapi, em Chapecó, no oeste catarinense.

A vítima, identificada como Sonia Gorete Matielo Cecon, 48 anos, foi estrangulada pelo ex-marido dentro do próprio carro por volta das 7h.

Segundo a Polícia Civil, por meio da Divisão de investigações Criminais (DIC) de Chapecó, o autor foi preso em flagrante após o crime. Conforme a investigação, o homem de 51 anos tentou forjar um possível mal súbito seguido de acidente de trânsito para tentar se livrar do caso.

Policiais da DIC e da Polícia Científica, ao ver a cena do crime, verificaram sinais de possível morte por estrangulamento, com marcas no pescoço da vítima. Com as informações iniciais começaram as entrevistas e busca de imagens para esclarecer os fatos.

Em entrevista preliminar com o acusado, ele apresentou várias contradições e confrontado com indícios que já levantados, acabou confessando o crime.

O homem declarou que ele e Sonia tinham uma relação de quase 30 anos e que há dois meses estavam separados. Ele relatou que tentava reatar a relação e na noite desta quarta-feira, dia 21, os dois teriam se encontrado para realizar a divisão dos bens do casal, momento em que, segundo o homem, a mulher teria assumido ter envolvimento amoroso com outro homem. Descontrole e noite em claro. Ainda de acordo com o homem, ele ficou descontrolado e não teria dormido nada durante a noite. Ao amanhecer, resolveu tirar a vida da ex-esposa. Com isso, ele foi até o prédio de Sonia, e como possuía uma cópia da chave do carro utilizado pela vítima, teria entrado e ficado escondido no banco traseiro do veículo.

Quando a mulher entrou no carro para ir trabalhar, próximo das 7 horas, ele teria matado a mulher estrangulada com um pedaço de fio de luz. Após isso, levou o carro com o corpo da vítima até uma rua com declive, onde colocou o automóvel em ponto morto e largou o carro, com objetivo de simular um possível acidente.

O homem foi preso em flagrante pelo crime de feminicídio. Após os trâmites legais na delegacia, o autor foi encaminhado ao presídio de Chapecó, onde aguardará a disposição da Justiça. Despedida

Nas redes sociais, amigos e conhecidos da vítima publicaram homenagens. “Justiça por todas essas mulheres que esses criminosos nunca fiquem em pune descanse em paz Sonia”, escreveu uma amiga da mulher.

Sonia está sendo velada na Capela da Funerária Stürmer, em Chapecó. O sepultamento ocorre nesta sexta (23), às 15h, no Cemitério Municipal do Trevo.

Cientista brasileiro pode ter descoberto novo planeta no Sistema Solar

0

Um estudo liderado por um pesquisador brasileiro e um japonês levanta a hipótese da existência de um novo planeta no Sistema Solar.

Os cientistas brasileiro Patryk Sofia Lykawka, da Universidade Kindai, do Japão, e Takashi Ito, do Observatório Astronômico Nacional do Japão, informam que o planeta estaria localizado em uma região distante chamada de Cinturão de Kuiper e com massa entre 1,5 e 3 vezes a do planeta Terra.

“Prevemos a existência de um planeta semelhante à Terra e de vários TNOs [objetos transnetunianos] em órbitas peculiares no sistema solar exterior, que podem servir como assinaturas testáveis ​​​​observacionalmente das supostas perturbações do planeta”, dizem os pesquisadores em artigo publicado na revista científica Astronomical Journal.

Em entrevista à agência de notícias da Unisinos, Patryk Lykawka informou que simulações mostraram que o Sistema Solar – conhecido hoje por reunir quatro planetas gigantes (Júpiter, Saturno, Urano e Netuno) – não explica as propriedades encontradas no suposto novo planeta. Ele graduou-se em física e matemática pela universidade privada.

“Dessa forma, este estudo prevê a existência de um planeta com massa de aproximadamente 1,5 a 3 Terras no sistema solar externo distante, situado além de 200 unidades astronômicas. Há três órbitas possíveis para o planeta, de aproximadas: 200 a 300 unidades astronômicas, 200 a 500 unidades astronômicas e 200 a 800 unidades astronômicas, mas os melhores resultados favorecem as duas últimas órbitas”, afirmou na entrevista.

O pesquisador destacou ainda o impacto da descoberta na comunidade científica e nos estudos futuros sobre o Sistema Solar.

“Primeiro, o Sistema Solar oficialmente teria nove planetas novamente. Além disso, assim como ocorreu em 2006 com a reclassificação de Plutão, precisaríamos aprimorar a definição de ‘planeta’, já que um planeta massivo localizado muito além de Netuno provavelmente pertenceria a uma nova classe. Por fim, nossas teorias do sistema solar e da formação de planetas também precisariam ser revistas.”

De acordo com a Unisinos, o brasileiro reside há mais de 20 anos no Japão e leciona na Universidade Kindai.

Patryk Sofia Lykawka/Arquivo Pessoal

Ninguém acerta as seis dezenas da Mega-Sena 2691 e prêmio vai a R$ 110 milhões

0

O resultado da Mega-Sena 2691 com prêmio de R$ 95.983.576,61 foi divulgado nesta quinta-feira (21), em São Paulo (SP), e ninguém acertou as seis dezenas. Com isso, o prêmio acumulado vai a R$ 110 milhões no próximo sorteio que será realizado no sábado (24).

Os números sorteados hoje foram: 13 – 15 – 28 – 37 – 40 – 57.

O prêmio estimado para sábado será o maior do ano na principal loteria da Caixa Econômica Federal.

Setenta e sete apostas chegaram bem perto e acertaram cinco dezenas. Para cada uma delas a Caixa vai pagar R$ 65.378,35. Os 6.572 acertadores de quatro dezenas vão receber R$ 1.094,28 cada.

Resultado da Mega-Sena 2691 — Foto: Reprodução / CaixaResultado da Mega-Sena 2691 — Foto: Reprodução / Caixa

Joaçaba Futsal disputa a Superliga Gazin de Futsal a partir desta sexta-feira

0
O Joaçaba Futsal segue a preparação para as principais competições do ano e, a partir desta sexta-feira (23), em Douradina (PR), tem mais um importante compromisso da pré-temporada. A equipe participa da 1ª Superliga Gazin de Futsal, junto com outros três elencos que também disputam a Liga Nacional: Atlântico, Corinthians e Umuarama.
A estreia, nesta sexta (23), às 21h, é contra o paulista Corinthians. No sábado (24), às 18h, o Joaçaba enfrenta o paranaense Umuarama. E no domingo (25), às 10h, o confronto é contra o gaúcho Atlântico, atual campeão da LNF. Os jogos acontecem no Ginásio de Esportes de Douradina e serão transmitidos ao vivo no canal 150 da parabólica, YouTube e site da TV Gazin (tvgazin.com.br).
A Superliga Gazin é a segunda competição de pré-temporada disputada pelo Joaçaba em 2024. No mês de janeiro, o grupo comandado pelo técnico Vandré da Costa também marcou presença no Torneio de Verão de Indaial, representando a Fercical Futsal. A equipe estreia na Liga Nacional no dia 23 março, fora de casa, contra o Marreco. Já a Série Ouro do Campeonato Catarinense inicia em abril.

Produção industrial de SC cai 1,3% em 2023

0

A produção industrial catarinense recuou 1,3% no ano passado, mas apresenta trajetória de recuperação. Em janeiro de 2023, o declínio acumulado em 12 meses era de 4,9%. No consolidado do ano passado, o Brasil apresentou incremento de 0,2%.

O resultado acumulado de 2023 em SC foi amenizado pelo crescimento de 7,2% apresentado no mês de dezembro, quando o indicador teve sua maior alta no ano. Na comparação com o mês anterior, em dezembro de 2023 a produção da indústria catarinense foi a terceira maior do país, atrás apenas de Pernambuco (11,6%) e Amazonas (7,4%).

O desempenho negativo da produção industrial catarinense no ano passado  – ainda que em recuperação – pode ser explicado pelo impacto negativo das altas taxas de juros no mercado brasileiro e nos Estados Unidos, avalia o presidente em exercício da Federação das Indústrias de SC (FIESC), Gilberto Seleme.

A melhora no cenário ao longo do ano passado é reflexo do aumento do consumo das famílias, segundo análise do Observatório FIESC. Isso porque o incremento das vendas em hipermercados e supermercados – especialmente de itens alimentícios-,  elevou a demanda por embalagens plásticas, com impacto direto nesse segmento industrial. “Com a queda nos preços dos alimentos, a indústria de embalagens intensificou sua atividade para atender a demanda, o que levou a um aumento de 10,2% na produção industrial do segmento em SC, a maior do ano entre os setores analisados”, explica João Pitta, economista do Observatório FIESC.

Ainda de acordo com Pitta, o recuo da inflação no mercado brasileiro contribuiu para a recuperação de vendas de eletrodomésticos, o que elevou a demanda por equipamentos elétricos. Soma-se a esse cenário o aumento nas exportações catarinenses de transformadores e painéis para comandos elétricos, com reflexo no aumento da produção industrial do segmento de 7,7% em Santa Catarina em 2023. No Brasil, no entanto, o setor de equipamentos elétricos apresentou recuo de 10,1% no período.

Juros e exportações 

No mercado doméstico, a taxa básica de juros afeta especialmente segmentos ligados à construção civil, como a de indústria de minerais não-metálicos  – que engloba a produção de cimento, concreto e produtos cerâmicos -, e que registrou queda na produção industrial de 7,7% em SC. Outro segmento sensível à Selic é a metalurgia, que apresentou retração de 5,9% no estado em 2023.

Os juros dos EUA afetam as exportações de produtos catarinenses voltados ao consumo, como móveis. As exportações do segmento, que é importante para a economia do estado, recuaram 23,4%. A demanda menor teve reflexos imediatos na produção do setor, que recuou 16,2% no ano passado.