Empresa retoma os trabalhos na SC-135, entre Tangará e Videira

Videira – O secretário executivo em exercício da 9ª Agência de Desenvolvimento Regional – ADR Videira, Valcir Serighelli, acompanhou os trabalhos na SC-135, trecho entre Videira e Tangará. Nesta segunda-feira, dia 16, a empresa retomou os trabalhos de construção do New Jersey que dividirá as pistas entre as escolas Caic e IFC Videira. A pavimentação do trecho aberto para ampliação da galeria, em frente ao IFC, também será melhorado, bem como, implantado defensas ao longo das vias.

“É uma obra muito aguardada pela comunidade em um investimento representativo do Governo do Estado. São mais de 75 milhões aplicado na revitalização desses 22 quilômetros. A rodovia já está com mais de 90% dos trabalhos concluídos e pedimos a comunidade que aguarde, que em breve a mesma está concluída”, afirmou Serighelli.

Os trabalhos nessa semana se concentraram na construção do New Jersey, um muro que dividirá as quatro pistas entre as escolas Caic e IFC Videira. O objetivo é dar mais segurança aos usuários, em especial, aos estudantes que frenquentam essas unidades. A empresa que havia paralisado a construção, devido a um problema em uma das máquinas, teve a ação retomada nessa semana.

A fim de amenizar os transtornos, a empresa também concluirá a melhoria em frente ao IFC Videira, onde foi ampliada a galeria ali existente. Cerca de cinco metros da rodovia foram removidos e ocasionam alguns transtornos. A empresa se comprometeu a concluir os trabalhos no local, nos próximos dias.

A partir da quarta-feira, dia 18, a empresa instalará defensas nos dois lados da ponte, próximo a empresa Fetz. A ação poderá incorrer na interdição da via por alguns minutos. A solicitação aos motoristas é que busquem rotas alternativas. A iniciativa também visa ampliar a segurança dos usuários.

Essa será uma das etapas finais da obra de revitalização da SC 135, de Videira a Tangará. Após isso, há ainda trabalhos de ajuste de sinalização, melhorias em alguns pontos requisitados pela comunidade, paisagismo em alguns trechos, defensas onde há ciclovias, entre outras ações. A obra é executada pelo Governo do Estado, que desprende investimentos do Pacto por Santa Catarina superiores a 75 milhões. (Josiane Zago/ASCOM)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.