Cachorro é atingido por tiro de arma de pressão em Piratuba

Piratuba – Um cachorro que passeava com a dona, na tarde de domingo, dia 03, em Piratuba, foi atingido por um tiro de espingarda de pressão. O animal não morreu, pois o projétil apenas raspou em uma das patas.

De acordo com Natália Senger, dona do animal, ela estava indo até um mercado, próximo a sua residência, no Acesso Sul, por volta de 11h15min. O cachorro andava na frente, quando houve o disparo. “Quem atirou não percebeu que eu estava junto, mas eu ia logo atrás e ouvi o barulho. O cachorro correu e não o vi mais naquele momento”, conta ela.  “Chamei por ele, mas ele não voltou”, detalha.

Ao chegar em casa percebeu que o bicho estava embaixo da mesa. “Fui ver ele e percebi o sangue na pata direita, da frente. O projétil pegou de raspão, mas ficou marca. Medicamos, fizemos curativo e ele está se recuperando”, relata Natália.

Ela ressalta que o cachorro é conhecido nas proximidades. “Não dá para entender o que motivou o disparo. O cachorro é manso, não incomoda ninguém e estava comigo. Se estivesse fazendo algo errado, bastava tocar ou falar conosco, tomaríamos providências, mas não era necessário atirar, ele não tem como se defender”, lamenta a proprietária. (Cristiano Mortari/Jornal Comunidade)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.