Caminhoneiros prometem greve para o próximo domingo

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, concedeu liminar suspendendo a aplicação de multas pelo descumprimento da tabela com preços do frete. O tabelamento, questionado por várias entidades empresariais, fixa valores mínimos a serem praticados no transporte de cargas.

A medida cautelar também suspende a aplicação das medidas administrativas,coercitivas e punitivas previstas na lei que criou a tabela de frete. Outro ponto é quanto aos efeitos da resolução da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), que estabelece multas para quem descumprir os valores fixados.

Após a decisão, entidades que representam os caminhoneiros, resolveram antecipar uma paralisação prevista para 22 de janeiro, para o próximo domingo (09). Eles estão descontentes com o descumprimento da tabela de frete e com a falta de punição pela Agência Nacional de Transporte Terrestre.

De acordo com o caminhoneiro, Bruno Tagliari, que lidera um dos movimentos que representam a categoria, a resposta será à altura e que todos já estão se articulando para uma grande paralisação. As informações são do jornalista Marcelo Lula.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.