Capinzal terá mobilização nesta sexta-feira contra reformas Previdenciária e Trabalhista

Capinzal – Lideranças de Capinzal organizam uma paralisação a ser realizada nesta sexta-feira (28) em apoio à mobilização nacional de diversas categorias profissionais e entidades de classe. Em Capinzal, o movimento acontecerá das 11h às 12h na Praça Pedro Lélis da Rocha.

A pauta será a mesma da mobilização nacional contrária às reformas da Previdência e Trabalhista propostas pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB).  A Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos decidiu por entrar em greve por tempo indeterminado desde quarta-feira (26). Em Santa Catarina, o prefeito de Ponte Serrada, Alceu Wrubel (PMDB) publicou decreto na quarta-feira que cancela o expediente nas repartições públicas municipais no período da tarde nesta sexta-feira (28) e libera os funcionários a participar da paralisação.

Os organizadores do movimento em Capinzal estiveram reunidos na manhã desta quarta acertando os detalhes do protesto e estendem o convite à população a fim de mobilizar a classe política para evitar as mudanças nos dois setores (Previdência e Trabalhista) propostas pelo governo federal e que mexem, consideravelmente, nos direitos dos trabalhadores, aposentados e pensionistas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.