Celesc anuncia ações para a temporada de verão

Estado – A vinda de milhares de turistas para o litoral catarinense; o  grande crescimento da demanda por energia elétrica devido, principalmente, ao uso muito mais intenso de eletrodomésticos, refrigeradores, sistemas de climatização; e a grande incidência de temporais, com ventanias e descargas atmosféricas, criam um cenário desafiador para a Celesc.

Por isso, é nesse período que a distribuidora catarinense concentra esforços e desenvolve ações específicas em três grandes frentes: reforço do sistema, manutenção preventiva e ampliação do número de equipes para atendimento de emergências.

Em 2019, o resultado deste esforço se reflete em muitas obras de ampliação e melhoria do sistema na região litorânea mas, também, no interior do estado, nas regiões mais susceptíveis aos temporais; em um grande volume de ações preventivas, como poda e roçada da vegetação próxima às redes e inspeção da rede por termovisão, para a detecção de pontos quentes; e no reforço das equipes de atendimento de emergência e de serviços da área comercial.

Entre as obras realizadas no ano e que contribuem para a melhoria do atendimento aos consumidores na estação mais quente do ano, destaque para a construção de novas subestações de energia elétrica em: Canoinhas, no Planalto Norte, garantindo mais confiabilidade ao crescimento da demanda por conta da atividade de secagem da safra de fumo; em Brusque, aliviando a carga do sistema na região de Itajaí; na Capital e em São José, na região da Grande Florianópolis, trazendo mais energia para o atendimento da região continental. Em Sangão, no sul do estado, uma nova linha de distribuição, recém energizada, disponibiliza 60% a mais de energia à subestação local com reflexos para a melhoria do atendimento dos balneários próximos àquele município.

“A energização das novas SEs reflete, de forma efetiva para o melhor atendimento dos consumidores, todas com impacto de cerca de 30% no aumento da energia disponível para as regiões onde foram instaladas e, especialmente, na maior confiabilidade do sistema elétrico”, pontua Cleicio Poleto Martins, presidente da Celesc.

Outra obra de grande importância para o Verão é a conclusão de uma nova Linha de Transmissão, em 138 mil Volts, entre as subestações Biguaçu (do sistema Eletrosul) e Tijucas (do sistema Celesc). A Linha permite o alívio do sistema que hoje abastece as subestações de Tijucas e Camboriú Morro do Boi, responsáveis pelo atendimento de uma das regiões mais “quentes” do Verão catarinense.

No ano, os recursos para manutenção do sistema elétrico somam R$ 58 milhões em obras de melhorias, que consistem na substituição de cabos, postes e equipamentos, ampliando a robustez das redes elétricas e a confiabilidade do sistema em todo o estado.  Nos balneários, essas obras têm como destaque a substituição de postes, cruzetas, divisão de circuitos e a instalação de isoladores híbridos e cabos isolados, mais resistentes às intempéries e à ação da maresia.

Além das obras de ampliação e melhoria, a Empresa também investe em ações preventivas. Do total de recursos destinados à manutenção do sistema elétrico no ano, R$21 milhões foram para limpeza de faixa, poda e roçada de vegetação, um aumento de mais de 20% sobre o valor aplicado em 2018. “Esse é um dos investimentos mais importantes para o Verão, tendo em vista que a vegetação que alcança a rede elétrica em temporais é causa de 35% das ocorrências no sistema”, explica o presidente Cleicio Poleto Martins.

A rede elétrica também foi inspecionada com “termovisores”, equipamentos que permitem, por meio da análise da temperatura local, identificar preventivamente pontos de desgaste (em chaves, emendas e conexões) que representam risco de falha com o aumento da demanda. A inspeção foi realizada em 85% dos troncos de alimentadores que somam mais de 7,5 mil quilômetros de rede e os equipamentos que apresentaram risco foram previamente substituídos.

Reforço de equipes – Especificamente para a temporada 2019-2020 também estão sendo contratadas, por meio da Operação Verão, mais 40 equipes extras que atuarão nas regiões de Florianópolis, Joinville, Itajaí, Tubarão e Criciúma, localizadas no litoral do estado, para reforço do contingente de atendimento às emergências, o que significa um aumento de mais de 50% do contingente normal dessas regiões.

Para atendimento específico no interior do estado, fora da faixa litorânea, mas em áreas que tipicamente são registrados eventos climáticos adversos (regiões de Blumenau, Rio do Sul e Mafra), outras 13 equipes terceirizadas foram contratadas para atuar no atendimento emergencial, reforçando, durante o Verão, o contingente das equipes da Celesc.

Para as Lojas da região litorânea foram contratadas 11 recepcionistas para agilizar o atendimento dos clientes e para o Contact Center, que já dispõe de 220 atendentes, estão sendo adicionados outros 22 profissionais. “Ao todo, entre eletricistas em campo, equipes de apoio às operações e atendimento comercial, mais de mil profissionais estarão diretamente envolvidos no atendimento ao público até o fim da temporada”, destaca o presidente.

Campanha – Para promover o uso consciente de energia elétrica junto a seus clientes, empregados e parceiros, uma das principais apostas da Celesc nesta temporada de verão 2019/2020 é a campanha educativa lançada em 25 de novembro e que até a primeira semana de março do próximo ano vai compartilhar dicas para evitar o aumento excessivo na tarifa. Escolhida como porta-voz da Campanha, a eletricista Cristiane Layher trabalha há 13 anos na Empresa, onde é uma das duas únicas mulheres na função de assistente operacional. As peças serão veiculadas nas redes sociais da Celesc (Facebook, Instagram e Twitter) e em diversos meios e veículos de comunicação na área de concessão da Celesc, especialmente no litoral catarinense, região que concentra grande volume de pessoas no período. Clique aqui e confira todas as dicas da Cris.

Resumo Verão Celesc 2019-2020 Celesc
– Novas subestações e linhas de distribuição em Canoinhas, Brusque, Florianópolis, São José e Sangão, com impacto de cerca de 30% no aumento da energia disponível para as regiões onde foram instaladas;
– Nova Linha de Transmissão, em 138mil Volts, que melhora as condições de operação do sistema que hoje abastece as subestações de Tijucas, São João Batista, Porto Belo, Bombinhas e Camboriú Morro do Boi;
– Limpeza de faixa, poda e roçada próximo às redes em todo o estado para reduzir risco de ocorrências com vegetação e inspeção da rede com termovisores para detectar pontos frágeis e eliminar riscos de ocorrências com o aumento da demanda;
– Reforço das equipes de emergência e atendimento comercial
– Nova campanha de orientação ao consumidor, com dicas para evitar o desperdício no consumo e o aumento excessivo da fatura de energia elétrica. (ASCOM)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.