Cerca de 20 mil animais devem ser vacinados contra a raiva na região

Duas reuniões ocorreram nesta quarta-feira (5). Pela manhã foi em Campos Novos, reunindo Cidasc, prefeitura, secretarias de Agricultura e de Saúde, Sindicato dos Produtores Rurais, representantes de cooperativas, entre outros. À tarde, a reunião ocorreu no município de Zortéa.

Os órgãos discutiram estratégias para conter novos focos de raiva bovina e informaram que o terneiro que morreu de raiva aos quatro meses, pertencia a um produtor da localidade de Guarani.

São pelo menos quatro municípios monitorados, num raio de 12 KM da localidade. Os municípios monitorados na região, além de Campos Novos são Zortéa, Capinzal, Erval Velho e da região de Curitibanos, onde também houve um foco recente de raiva bovina.

A Cidasc não descarta a ligação entre os dois focos. Em Curitibanos, a raiva foi confirmada em uma vaca.

O médico veterinário da Cidasc e responsável pelo Programa de Combate à Raiva em Herbívoros, Fábio de Carvalho Ferreira, afirma que agora o objetivo é orientar o produtor para a vacinação obrigatória dos animais.

Cerca de 20 mil animais (bovinos e equinos) deverão ser vacinados nos quatro municípios.

A vacinação é obrigatória e deverá alcançar cerca de 600 propriedades rurais, não só em Campos Novos, mas também em Zortéa, Capinzal e Erval Velho, para prevenir novos casos.

Os cães e gatos, num raio de 300 metros do foco, também deverão ser vacinados, segundo a  Cidasc, a fim de não colocar os donos em risco, pois a raiva é fatal.

Uma equipe de profissionais da Cidasc, Epagri e secretaria de Agricultura irá levar até o produtor informações de como proceder para conter a doença.

A veterinária do Escritório Regional da Cidasc,  Aracéli Zanandréa reforça que “todos os animais, especialmente os bovinos e equinos, num raio de 12KM do foco de raiva terão que ser vacinados com a primeira dose e a dose de reforço”.

Aracéli ressalta que os produtores precisam informar qualquer caso suspeito imediatamente, a fim de controlar a doença.

Já o secretário municipal de Agricultura, João Batista Ramos de Almeida (Tita), a secretaria irá disponibilizar o pagamento de 100% da vacina para os produtores de Campos Novos.

Tita diz que um cadastramento será realizado com as agropecuárias interessadas no fornecimento das doses e que os produtores serão ressarcidos.

Como a raiva também pode atingir os suínos, criadores também já estão providenciando milhares de doses da vacina.

(Rádio Cultura)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.