Chapa com Udo Döhler (PMDB) ao governo e Raimundo Colombo (PSD) ao Senado pode estar sendo formatada

Para disputar o Senado, o governador precisa renunciar e passar o comando ao PMDB

Estado – Um dia depois de receber o deputado Gelson Merisio, pré-candidato do PSD a governador, o prefeito Udo Döhler teve agenda com Raimundo Colombo no Centro Administrativo. Para além das questões governamentais, trata-se do segundo encontro entre os dois em sete dias. Semana passada, o governador foi a Joinville conversar com o prefeito, em agenda não divulgada.

Agora o peemedebista retribuiu. Colombo e Udo haviam rompido em agosto do ano passado, quando se acirrou a campanha eleitoral na maior cidade do Estado. De acordo com o jornalista Cláudio Prisco Paraíso, a reaproximação dos dois, somada ao componente Merisio, também significa o fortalecimento de um novo canal entre PSD e PMDB, que só não romperam formalmente por questões pragmáticas.

Em meio a essa movimentação, já começa a se falar na possibilidade de uma chapa com Udo Döhler ao governo do Estado e Colombo ao Senado, muito embora Merisio siga reafirmando sua disposição de concorrer ao governo em 2018.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.