Decreto de Bolsonaro protege quem denuncia irregularidades no governo

Um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira (3) protege a identidade de quem denuncia irregularidades na administração pública. A assinatura ocorreu em um evento promovido pela Controladoria Geral da União (CGU) para discutir o combate à corrupção.

O evento ainda teve a presença do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, e do ministro da CGU, Wagner Rosário. O texto prevê, segundo Rosário, que a identidade do denunciante será mantida no órgão que recebeu a informação e deixará de ser compartilhada com outras áreas do governo, exceto ouvidoria e setor de investigação.

Ainda segundo o ministro da CGU, o decreto torna mais restrito o acesso e segue as “melhores práticas internacionais”. (Informações Gazeta do Povo)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.