Deputado questiona diferença do valor orçado e o proposto no menor preço para conclusão da SC-467

Ouro – O deputado estadual Neodi Saretta (PT) estranhou a diferença no valor proposto em licitação para conclusão das obras da SC-467 entre Ouro e Jaborá. Em publicação através de seu perfil de rede social nesta terça-feira (11) o parlamentar indaga a diferença de R$ 14 milhões entre o valor orçado pelo governo do estado e o apresentado na menor proposta por uma empresa de Curitiba/PR.

A licitação previa valor máximo de R$ 51,8 milhões para retomada das obras, enquanto a empreiteira paranaense aceitou fazer o serviço por R$ 38 milhões. O petista questiona o motivo de o orçamento ter sido “tão alto”.

“Estranho: Obra de conclusão do asfalto de Jabora a Ouro estava orçada em 51 milhões e 800 mil. Na licitação vem uma empresa e apresenta o preço de 38 milhões. Quase 14 milhões de diferença. Se dá para fazer por este preço porque o orçamento estava tão alto? Ou será que no futuro teremos a obra parada de novo?”, escreveu Saretta.

Entenda

Uma empresa de Curitiba/PR apresentou a menor proposta para retomada das obras de pavimentação da SC-467 entre Ouro e Jaborá. A informação foi confirmada na noite desta segunda-­feira (10) pelo secretário­-executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) Joaçaba, Rafael Laske. Laske participou da sessão da Câmara de Vereadores de Ouro, oportunidade em que explanou sobre as ações desenvolvidas pelo governo do estado na região. Conforme o secretário foram 13 propostas apresentadas.

Os envelopes foram abertos no último dia 6 na sede do Deinfra em Florianópolis. A menor delas foi da Compasa (R$ 38 milhões). Agora, o Deinfra fará a análise de toda a documentação necessária. O processo de análise e contratação da empresa pode levar até dois meses. Segundo o governo a obra da SC-­467 está com 50% executada. O edital de licitação previa máximo de R$ 51,8 milhões para conclusão da obra. O edital foi lançado em 20 de fevereiro na modalidade de concorrência internacional, uma vez que conta com recursos financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A obra compreende o entroncamento da SC-­150 em Ouro até Jaborá passando pela comunidade de Santa Helena com extensão de 33,620 km. Conforme a licitação o prazo de conclusão é de 540 dias. O contrato com a empresa Elevolution Engenharia S/A do Brasil foi rescindido pelo governo do estado em julho de 2016, após a empresa deixar de cumprir obrigações importantes consignadas no documento. A obra de pavimentação da SC­-467 iniciou em 2013.

1 Comentário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.