Deputados apresentam propostas para cortar os próprios salários em 50%

Deputados apresentam propostas para reduzir os próprios salários em 50% durante o período da pandemia do novo coronavírus no Brasil. São quatro projetos que ainda precisam ser analisados pela Câmara dos Deputados.

O Projeto de Decreto Legislativo nº 90/20 fixa o subsídio mensal dos deputados federais e senadores em R$ 16.881,50 durante essa época. Hoje, os parlamentares recebem R$ 33.763.

De acordo com a proposta, feita pelo deputado federal Rodrigo Coelho (PSB/SC), os outros 50% dos salários dos 594 parlamentares teriam que ser direcionados a ações de combate ao coronavírus. Seriam mais de R$ 10 milhões por mês.

Um outro projeto, o de Decreto Legislativo nº 93/20, do deputado Ruy Carneiro (PSDB/PB), propõe a redução em 50% por três meses.

Já o Projeto de Decreto Legislativo nº 95/20, do deputado Kim Kataguiri (DEM-SP), determina a redução em 50% dos salários de parlamentares sempre que houver surtos, epidemias ou pandemias.

Por fim, o  Projeto de Decreto Legislativo nº 91/20, de Celso Maldaner (MDB-SC), autoriza a destinação do salário de R$ 33.763,00 dos parlamentares para o Sistema Único de Saúde (SUS) em caso de pandemia ou declaração de estado de calamidade pública. (Informações Correio Braziliense)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.