Dia do Imigrante Italiano: Descendentes comentam a história

Capinzal/Ouro – O Brasil é o maior país com raízes italianas em todo o mundo. Pela importância que a comunidade italiana representa para a construção do Brasil, esta data tem o objetivo de homenagear os descendentes dos imigrantes italianos. Com a crise que se instalou na Itália durante meados do século XIX e XX, muitos camponeses italianos aceitaram os pedidos do governo brasileiro para trabalharem nas lavouras do país, principalmente nas regiões sudeste e sul.

De acordo com dados do Consulado da Itália no Brasil, estima-se que atualmente existem aproximadamente 25 milhões de descendentes de italianos vivendo em terras brasileiras.
Na região de Capinzal existem muitas famílias que tiveram os avós ou bisavós vindos da Itália.

Um grande incentivador da cultura italiana é o vereador em Ouro, Cesar João Prando, que inclusive fala fluentemente o dialeto italiano. Segundo ele, foram tempos difíceis, desde a viagem que era feita por navios que navegavam por meses até chegar aqui.

Outra família que mora em Capinzal há 40 anos e são descendentes de imigrantes italianos, é a do casal Zenir Costenaro e Ivete Brocardo Costenaro, 70 e 62 anos, respectivamente. Eles são casados há 48 anos e têm três filhas. Residem na comunidade de Vila Anchieta. Ele teve os avós maternos e paternos vindos da Itália e ela os bisavós.
Em atenção à está dada especial o casal se reporta a cultura italiana que é mantida pela família que está pleiteando a dupla cidadania.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.