Estudantes de Piratuba conhecem o maior parque de energia eólica de Santa Catarina

Água Doce – Uma viagem realizada nesta semana, permitiu que estudantes das turmas do 8° e 9° ano do Ensino Fundamental, da Escola Marechal Câmara, da comunidade de Uruguai, interior de Piratuba, conhecessem de perto, dois importantes projetos ligados à educação rural e energia renovável, no interior catarinense.

Liderados por uma equipe de professores, os estudantes estiveram na cidade de Água Doce, cidade catarinense, conhecida como a Capital Catarinense da Energia Eólica, por abrigar o maior conjunto eólico do Estado de Santa Catarina, composto por 109 aerogeradores.

Um dos destinos do passeio, foi a visitação aos parques de geração, localizados na região dos campos de altitude. O complexo formado por oito grupos geradores produz energia suficiente para abastecer um contingente de aproximadamente 500 mil habitantes. A iniciativa de gerar energia elétrica por meio da força dos ventos surgiu no ano de 2002, quando a empresa estatal Centrais Elétricas de Santa Catarina – (Celesc), realizou um levantamento no Estado a fim de averiguar as áreas com potencial eólico.

A excursão estudantil completou-se com a visitação à um colégio rural, conhecido por formar técnicos agrícolas identificados com o empreendedorismo rural.
O Centro de Educação Profissional Professor Jaldyr Bhering Faustino da Silva (Cedup) é considerado um dos melhores Colégios Agrícolas da região Sul do país no que se relaciona ao desenvolvimento de projetos na área agropecuária.

Segundo informações da diretora da instituição, Eni Martinazzo, 26 estudantes participaram da experiência, que objetivou a contextualização práticas agrícolas economia e empreendimento. O conteúdo foi estudado ao longo do ano e agora os alunos tiveram a oportunidade de conhecerem cases de sucesso por meio de uma vista de estudos. (Ernoy Mattiello/Ascom)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.