Falta de chuva provoca problemas como estiagem e queimadas em SC

Estado – Boa parte dessa semana será marcada pelo tempo instável. Isso é uma boa notícia para Santa Catarina, principalmente para os agricultores e para os rios, visto que o mês de Julho registrou até o momento poucos episódios de chuva. Em Concórdia, no Oeste do estado, o volume de chuva em Julho varia entre 130 a 150 mm, e nesse mês choveu apenas 13,6 mm na cidade. Timbó, no Vale do Itajaí, tem volumes em média de 90 a 110 mm nessa época do ano e até o momento choveu apenas 0,8 mm em Julho. O último relatório feito pelo setor de hidrologia da Epagri, divulgado na manhã de hoje, indica que pelo menos 21 cidades possuem rios com nível abaixo do normal. Dessas cidades, 9 possuem rios em situação de emergência, onde o rio está com o volume muito baixo de água. Outras 9 cidades possuem rios classificados em situação de alerta para estiagem e 3 em situação de atenção para estiagem.

Mapa da estiagem
Mapa da estiagem

(Foto: Epagri/ Divulgação)

Veja que esses rios estão distribuídos ao longo de todo o estado. Nesse momento os volumes de chuva previstos para os próximos dias trazem uma sensação de alivio para essa situação. A seguir a lista das cidades que possuem rios em situação de estiagem, de acordo com cada classificação:

SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Guaraciaba

Concórdia

Joaçaba

Rio Negrinho

José Boiteux

Camboriú

São João Batista

Alfredo Wagner

São Martinho

SITUAÇÃO DE ALERTA

Itapiranga

Passos Maia

Tangará

Canoinhas

Taió

Timbó

Chapadão do Lageado

Palhoça

Forquilhinha

SITUAÇÃO DE ATENÇÃO São Carlos

Apiúna

Tubarão

QUEIMADAS

Outra consequência dos baixos volumes de chuva são as queimadas. Só neste mês já foram registrados pelo menos 138 focos de queimadas em Santa Catarina, de acordo com os dados divulgados pelo INPE- Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais.

Segundo o Corpo de Bombeiros de Brusque, só no domingo foram registrados 9 focos de queimadas na cidade.

(Fonte: Leandro Puchalski/meteorologista)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.