Família decide doar órgãos de menina de 2 anos afogada em piscina, no RS

Foto: Arquivo pessoal

Passo Fundo – A família de Sophia Vitória Zambrzycki Florão, de dois anos, decidiu por doar os órgãos da menina.

A criança morreu na noite do último dia 2, após ficar quatro dias internada no Hospital São Vicente de Paulo (HSVP).

Sophia se afogou na piscina da casa da família no bairro Vera Cruz, em Passo Fundo.

Quando a morte da criança foi confirmada, a equipe do HSVP questionou os pais sobre a possibilidade da doação dos órgãos.

Os familiares se reuniram naquele momento difícil. “Optamos pela doação porque estaríamos ajudando vidas. Nós acreditamos que a missão da nossa pequena Sophia foi a de salvar vidas”, disse a tia da menina, Taiane Baron Zambrzycki de Almeida, de 24 anos.

O gesto deve ajudar muitas crianças que precisam. “Ela partiu salvando vidinhas que vão receber uma parte dela. A vida dela não cessou por ali; continua no corpo de quem precisa”, resumiu.

A tia relata o sentimento da família com a doação. “A gente tinha certeza que ajudaríamos mãezinhas que talvez estejam clamando, pedido a Deus pela doação compatível. Acreditamos que será uma benção para essas famílias que vão receber, assim como a Sophia foi uma benção para nós. Nosso coração fica alegre, mesmo nesse momento tão difícil para nós. Ela deixou um legado, para doar órgãos, doar vida”, finalizou. (Informações Diário da Manhã)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.