Fiesc apresenta relatório sobre situação crítica de rodovias em SC

Estado – Um dramático relatório sobre a deterioração e perspectivas sombrias dos investimentos federais em Santa Catarina vai ser apresentado na segunda-feira, a partir das 9h, quando a diretoria da Fiesc lançará a Agenda da Indústria para a Infraestrutura de Transportes. Para este evento foram convidados senadores, deputados federais e estaduais. Terá a presença de dirigentes do DNIT, do Programa de Parceria de Investimentos e de especialistas da UFSC.

A agenda será apresentada pelo presidente Glauco José Côrte e pelo vice Mário Cesar Aguiar, também presidente da Comissão de Transporte e Logística, a mais atuante da Federação das Indústrias.

Somente em rodovias o Estado precisa investir até 2021 de R$ 2,85 bilhões por ano em obras federais e estaduais. Aí estão incluídas as duplicações das BRs 280 e 470, além das melhorias na BR-282.

A constatação mais crítica e inquietante: todos os economistas nacionais que vieram proferir palestras em Florianópolis foram unânimes em destacar o momento positivo que o Estado vive. Mas enfrenta também terríveis desafios que, se não forem superados, comprometerão as novas gerações de forma irremediável. Os investimentos irão para outra regiões.

No setor produtivo, o maior problema é a falta de infraestrutura. (Moacir Pereira/DC)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.