Governador Moisés recebe pedido de recursos para o centro cirúrgico do HNSD

Capinzal – A diretora do Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), de Capinzal, irmã Adelaide Frigo, participou na manhã desta terça-feira (25) no Teatro Pedro Ivo em Florianópolis do ato de assinatura de convênios com 110 hospitais filantrópicos de todas as regiões do Estado. As entidades receberão um total de R$ 190 milhões até o fim do ano. A parceria é o primeiro passo na criação de uma nova política hospitalar catarinense, que prevê repasses de até R$ 300 milhões a partir do ano que vem.

“​​O avanço é considerável, se comparado com tudo o que os governos já repassaram.​​ É um passo inédito. Enxergo como uma grande vitória, que vem ao encontro do interesse das pessoas. ​Vamos entregar com transparência e impessoalidade. O critério não será mais ‘porque é da minha cidade’, mas com base na produção e na entrega”, frisou o governador Moisés. Deputados estaduais acompanharam o ato.

Na oportunidade, Irmã Adelaide fez a entrega do pedido para liberação de recursos a fim de que seja concluído o centro cirúrgico do Hospital Nossa Senhora das Dores. Moisés dedicou atenção ao pedido da diretora e destacou que o governo vai democratizar a destinação de recursos para atender as demandas indistintamente. Irmã Adelaide pontuou que um montante de R$ 1,9 milhão foi prometido pelo governo anterior, mas acabou não sendo liberado, frustrando as expectativas, e que será um sonho a concretização do pedido.

No dia 11 de abril o secretário de Estado da Saúde, Coronel Helton Zeferino de Souza, esteve reunido com a direção do Hospital Nossa Senhora das Dores em Capinzal. O secretário de Estado da Saúde esteve em Capinzal de passagem e foi convidado pelo Comando do Corpo de Bombeiros Militar de Capinzal, que é parceiro do Hospital Nossa Senhora das Dores na busca de recursos para a finalização do Centro Cirúrgico. Na ocasião, o secretário recebeu da diretora da entidade e de Luiz Rossetti, que representou a Associação Amigos do Hospital, um pleito para investimento público no centro cirúrgico da unidade.

Ponderado e ciente das dificuldades financeiras na área da Saúde em SC, o secretário disse que fará uma análise técnica com sua equipe, dentro das possibilidades do Estado, e o que estiver ao seu alcance para contemplar a instituição que atende pacientes dos municípios de Capinzal, Ouro e Zortéa. Com o centro cirúrgico do Hospital Nossa Senhora das Dores diminuirá o número de pacientes que precisam ser encaminhados a hospitais regionais, como o Universitário Santa Terezinha, de Joaçaba, para procedimentos de média complexidade.

A intenção do hospital é concluir o centro cirúrgico para realização de procedimentos de média complexidade. Com isso, seria possível atrair outras especialidades. Recentemente, representantes da Executiva do PSL de Capinzal, Ouro e Zortéa estiveram visitando o hospital acompanhados de Lucas Arsego, assessor da deputada estadual Ana Caroline Campagnolo (PSL). O assessor viu de perto as instalações e posteriormente repassou as informações e o pleito do centro cirúrgico à parlamentar que se colocou à disposição para colaborar junto à Assembleia Legislativa, bem como ao próprio governo, do qual faz parte da base de apoio na Alesc.

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.