Jovem e avô são encaminhados à delegacia após ocorrência de trânsito em Capinzal

Capinzal – Por volta das 08h desta quarta-feira (20) a Polícia Militar em rondas no centro de Capinzal, visualizou a motocicleta Honda/CG 150 FAN avançado sinal vermelho na Rua Nereu Ramos, esquina com a Rua Luiz Dorini. De imediato a guarnição iniciou o acompanhamento e abordou o veículo próximo a uma Farmácia, na rua Ernesto Hachmann. O condutor abandonou a motocicleta e entrou na farmácia.

Quando a guarnição estava confeccionando a notificação cabível, o condutor retornou ao local e começou a desacatar a guarnição relatando que os policiais estariam o perseguindo e dizendo que a guarnição estava fazendo um roubo, e proferindo ofensas aos policiais.

Diante dos fatos a guarnição deu voz de prisão a W.L.B. pelo crime de Desacato sendo que o mesmo reagiu e foi necessário o uso da força física para conter e algema-lo.

Durante os procedimentos o senhor V.L.B., avô do envolvido anterior, esteve no local e teria passado a dificultar o trabalho polícia, este também desacatando e ameaçando os policiais.

Durante a ameaça e desacato, foi dado voz de prisão também a V.L.B. e houve resistência ao colocar a algema, arranhando o policial, causando lesão leve no dedo polegar esquerdo.

V.L.B. começou a reclamar que estava passando mal após ser preso e então a guarnição acionou o Corpo de Bombeiros de Capinzal para atendê-lo.

Enquanto a guarnição aguardava o Corpo de bombeiros, V.L.B. começou a chutar a caixinha da viatura tentando quebrar a viatura e se debater, que isso causou autolesão no punho esquerdo.

O corpo de bombeiros esteve no local, prestou atendimento e aferiu os batimentos cardíacos que estavam normais. Diante dos fatos ambos foram encaminhados para a Delegacia de Joaçaba.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.