Justiça aceita denúncia contra suposta vítima de agressão pelo companheiro em Capinzal

O juiz Daniel Radünz aceitou a denúncia do Ministério Público que acusa uma mulher por suposta denunciação caluniosa contra o companheiro dela em Capinzal. Segundo o processo, a mulher teria registrado no dia 21 de junho de 2012 uma ocorrência contra o então companheiro. Ela disse, à época, ter sofrido ameaça e violência doméstica.

A ação resultou na abertura de inquérito policial e posterior processo criminal no fórum da comarca de Capinzal. De acordo com o Ministério Público, a acusada seria sabedora de que o fato não teria ocorrido.

Intimada da denúncia, a acusada apresentou defesa prévia alegando que teria ocorrido ameaça e agressão contra a mulher, não configurando a denunciação caluniosa. A defesa requereu a absolvição da ré, pedido que não foi acatado. “Os argumentos da defesa não afastam as razões que justificaram o recebimento da denúncia e deverão ser objeto de análise após regular instrução probatória”, apontou o magistrado que designou audiência de instrução e julgamento para o mês de agosto.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.