Mantida prisão de homem que portava pistola em Piratuba

Piratuba – O juiz da Vara Criminal da comarca de Capinzal, Daniel Radünz, negou liberdade a um homem preso por porte ilegal de arma de fogo e munições em Piratuba. A defesa de D.G.K., 28 anos, havia pleiteado a revogação da prisão preventiva, mas o magistrado indeferiu o pedido com base em que D.G.K possui duas condenações recentes pelo mesmo crime a que responde agora, uma vez que a denúncia do Ministério Público foi aceita.

“Mesmo em pleno cumprimento das reprimendas respectivas, não hesitou em, novamente, se envolver na suposta prática de um ilícito correlato. É clara, portanto, a possibilidade de reiteração delitiva, devendo-se manter a segregação como forma de se acautelar a ordem pública”, destacou Radünz. Com isso, D.G.K permanece recolhido ao Presídio Regional de Joaçaba à disposição da Justiça.

A prisão

A prisão ocorreu por volta das 20h40min do dia 17 de novembro na rua Governador Jorge Lacerda, centro de Piratuba. Conforme os autos, o denunciado transportava em um Fiat Uno uma pistola, sem numeração aparente, calibre 9 mm, e quatro munições calibre 765 intactas quando foi abordado pela Polícia Militar. Um adolescente estava na carona do veículo. Também foram encontradas no automóvel duas facas. A PM informou que, momentos antes da abordagem, foi comunicada de uma ocorrência de ameaçada envolvendo supostamente o abordado.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.