Morador de Lacerdópolis preso após passar trote ao SAMU será submetido a exame mental

Lacerdópolis – Um morador de Lacerdópolis será submetido, por determinação da Justiça da Comarca de Capinzal, a exame de sanidade mental. Ele foi preso em flagrante após ter passado um trote ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Joaçaba através do telefone de emergência 192.

Segundo consta no processo, o fato ocorreu no dia 20 de maio deste ano, por volta das 10h30min, na rua Vereador Simão Proner, em um orelhão em frente ao estádio municipal no centro de Lacerdópolis.

O homem teria ligado para o SAMU e dito à atendente que iria se matar utilizando uma faca. Uma viatura foi ao local onde já se encontrava uma guarnição da PM. Os socorristas constataram que era um trote.

O homem teria dito aos policiais, no momento em que foi flagrado, que teria problemas mentais e que estaria conversando com um amigo. Em revista pessoal, nada de irregular foi encontrado com ele. O homem foi preso e encaminhado à delegacia de polícia para os procedimentos.

No dia seguinte a Justiça concedeu a liberdade provisória ao homem. Ele responde a inquérito policial com base no artigo 266 do CP (Interrupção ou perturbação de serviço telegráfico, telefônico, informático, telemático ou de informação de utilidade pública). Por requerimento do Ministério Público, o juiz Douglas Cristian Fontana solicitou o exame de sanidade mental do acusado, o qual será realizado no começo de dezembro por um perito oficial no Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico de Florianópolis.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.