Moradores fazem manifestação pedindo paz após crime bárbaro em Machadinho

Machadinho – Moradores de Machadinho, no Alto Uruguai Gaúcho, realizaram na tarde deste sábado (04) um protesto silencioso em razão da morte brutal da comerciante Sônia Maria Baldissera, 39 anos, ocorrido no último fim de semana. Hoje completa uma semana do crime bárbaro que chocou o pequeno município gaúcho.

Para marcar a data moradores fizeram uma manifestação intitulada “Caminhada pela Paz”. O evento teve início às 16 horas com saída em frente ao Banrisul. O ato reuniu dezenas de pessoas que utilizaram roupas e balões na cor branca, além de faixas e cartazes com mensagens pedindo o fim da violência.

“Não se cale. Denuncie!”, dizia a faixa principal levada à frente do movimento

Na manhã da última quarta-feira (01) o suspeito de ter matado com 21 facadas a comerciante se apresentou à polícia. Jonas Ricardo Fonseca, 35 anos, se entregou na delegacia de polícia de Lagoa Vermelha. Acompanhado de advogado, prestou depoimento e posteriormente foi levado ao presídio, uma vez que havia contra ele um mandado de prisão preventiva. O inquérito deverá ser encaminhado nos próximos dias ao Poder Judiciário.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.