Município do Oeste decreta situação de emergência por causa do temporal de granizo

Campo Erê – A prefeitura de Campo Erê, no Oeste catarinense, decretou situação de emergência na manhã desta sexta-feira (8) por causa dos prejuízos provocados por um temporal na terça-feira (5). As áreas de Araçá, Agroísa e Itatiba foram afetadas por granizo e as chuvas intensas prejudicaram a agropecuária, principalmente as lavouras de feijão e soja, além do setor leiteiro. Casas tiveram a cobertura atingida, assim como instalações rurais.

O decreto tem prazo de 180 dias. Conforme o coordenador da Defesa Civil do município, Nelson Tressoldi, em uma avaliação preliminar, os prejuízos totais giram em torno de R$ 9 milhões.

“Foram atingidos 200 hectares de feijão, com perdas no valor aproximado R$ 1 milhão. No caso da soja, foram mais ou menos 2 mil hectares, com 50% de perdas. Valor R$ 6 milhões. Milho, 300 hectares, valor de R$ 1 milhão. Tem mais milho para forragem, 50 hectares. As perdas reais só na colheita”, afirma.

Ainda segundo o coordenador, poucos produtores atingidos estão nas áreas de maior cultivo.

O decreto autoriza a convocação de voluntários para ajudar nas campanhas de arrecadação e que agentes da Defesa Civil entrem nas casas para prestar socorro ou determinar evacuação, além da desapropriação em áreas de risco. (G1)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.