Nova máquina reduz tempo de radioterapia em um mês e torna tratamento mais eficaz

Equipamento permite que um tratamento normalmente realizado em 37 dias seja concluído em uma semana — Foto: José Leomar

Um processo inevitável, desgastante e extenso agora pode ser reduzido em, pelo menos, um mês. A nova máquina de radioterapia do Instituto do Câncer do Ceará (ICC), no Hospital Haroldo Juaçaba, permite que um tratamento normalmente realizado em 37 dias seja concluído em uma semana.

O equipamento é a sexta máquina do centro de radioterapia do ICC, e foi doada pelo Ministério da Saúde. O Instituto, porém, decidiu investir 700 mil dólares para aprimorar a máquina, instalando um sistema de imagem mais moderno, conforme explica Rogério Matias, físico médico do Hospital Haroldo Juaçaba.

“Em radioterapia, a gente sabe que as células cancerígenas morrem com a radiação. O problema é separar o que é doença e o que não é. O que a gente ganha com essa máquina é que, com esses acessórios que foram colocados, a gente consegue visualizar toda a estrutura sadia e a estrutura doente, minutos ou segundos antes de tratar. Então eu consigo ver onde a doença está, com precisão”, destaca.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.