Operação Choque de Segurança fiscaliza fronteiras

Foto: Roberto Gobbi/SEF

O fluxo de trânsito nas estradas federais e estaduais aumenta com as festas de fim de ano e, com ele os crimes transfronteiriços de descaminho, tráfico e contrabando. Em razão dessas ilegalidades, o Exército Brasileiro intensificou a fiscalização na faixa de fronteira do Paraná e de Santa Catarina. A Operação Choque de Segurança/Ágata, deflagrada nesta semana, teve o objetivo de fortalecer a segurança nas estradas e cidades e contou com participação da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF).

“É importante que a Administração Fazendária participe deste tipo de operação, na qual o Exército proporciona uma boa infraestrutura para a realização da fiscalização do trânsito de mercadorias. Assim, temos ainda mais sinalização e segurança para os agentes fiscais e usuários das rodovias nos pontos de bloqueio; colaboração no trabalho e tratamento respeitoso e com urbanidade para com todos, em especial para a população do Oeste catarinense, que fica distante da presença do Estado”, afirma o auditor fiscal da SEF, Roberto Gobbi. Dez auditores fiscais da SEF participaram das ações.

Na operação, o Exército ocupou diversos postos de bloqueios nas principais estradas do Paraná e Santa Catarina. Participam da fiscalização, ainda, as tropas da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada, de Cascavel (PR); a 5ª Brigada de Cavalaria Blindada de Ponta Grossa (PR); e o 14º Regimento de Cavalaria Mecanizado de São Miguel do Oeste (SC).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.