Ouro: Ministério Público arquiva denúncia de supostos maus-tratos a alunos em creche

Ouro – O Ministério Público da comarca de Capinzal decidiu arquivar o procedimento que apurava a suposta prática de maus-tratos contra alunos em uma creche do município de Ouro por parte de uma professora e duas auxiliares do educandário. O promotor de Justiça Elias Albino de Medeiros Sobrinho havia instaurado inquérito civil no dia 16 de março após receber denúncia. À época, a promotoria preferiu não se pronunciar ou fornecer mais detalhes à imprensa devido ao caso envolver menores e estar na fase inicial de apuração.

Conforme o MP, o inquérito foi arquivado no último dia 30. O MP ouviu profissionais da creche, dirigentes e testemunhas, e, decidiu pelo arquivo após constatar a “insistência de professora e auxiliares para que aluno se alimentasse. Criança se recusava a comer, fazendo ânsia para vomitar. Infante apresentava o mesmo comportamento em casa. Situação de maus-tratos não constatada. Esvaziamento do objeto”, diz o extrato da conclusão do MP.

Familiares de uma das profissionais citadas na denúncia informaram que ela ficou bastante abalada emocionalmente com o caso e que estaria apresentando sintomas de depressão.

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here