Polêmica: Ong animal alega omissão da prefeitura em Erval Velho; município emite nota de esclarecimento

Voluntárias da causa animal alegam omissão por parte da prefeitura de Erval Velho. Segundo as informações, uma moradora, que possuiria transtornos psiquiátricos acumulava 53 cães e gatos. As voluntárias estariam auxiliando com ração, limpeza e assistência veterinária.

O caso foi divulgado pela Ong Faunamiga em sua página no Facebook. Segundo elas, buscando apoio do município, através da Secretaria Municipal de Saúde, não tiveram a demanda atendida e que, supostamente, não seriam recebidas pelo Poder Público para discutir o assunto. ONG’s vizinhas estariam mobilizadas para auxiliar e o caso deverá ser levado ao conhecimento do Ministério Público. As voluntárias buscam abrigo para os animais. Contatos podem ser feitos pelo fone (49) 99825-6925.

Contraponto

Na manhã desta quinta-feira (08) a administração de Erval Velho divulgou nota de esclarecimento rebatendo as afirmações das voluntárias. Confira na íntegra:

“NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Administração Municipal de Erval Velho, através da sua assessoria de comunicação, vem a público manifestar-se a respeito da publicação da ONG Faunamiga através da sua página no Facebook que trata sobre o caso de uma moradora do município que mantém diversos animais alojados em sua propriedade.

A possível omissão narrada pela ONG é INVERÍDICA, haja vista que a Secretaria Municipal de Saúde já atuou por diversas vezes na propriedade da moradora, realizando diversos trabalhos em prol dos animais, custeados pelo Fundo Municipal de Saúde. Silvano Pratto, Secretário de Saúde, comenta que foi procurado de forma informal por uma moradora do município e que em nenhum, omitiu ajuda, salientando que devidas providências já estão sendo tomadas por parte da Administração.

A Assessoria de Gabinete do Prefeito de Erval Velho, lamenta o caso, uma vez que o prefeito não foi procurado nenhuma vez pela ONG Faunamiga para pronunciar-se a respeito do caso.

Diferente do fato narrado, o Município de Erval Velho, já possui um projeto RESPONSÁVEL, que objetiva tratar sobre o controle populacional de cães e gatos, atendendo não somente o fato em tela, bem como, demais casos que surgirem na comunidade.

Em junho deste ano o prefeito de Erval Velho, Sr. Walter Kleber Kucher Júnior, sancionou a Lei nº 1470, que criou o Programa de Educação em Saúde, Guarda Responsável e Esterilização Cirúrgica de Animais.

Após a criação da Lei, foi firmado um termo de colaboração com a UNOESC, através do Curso de Veterinária de Campos Novos, para o Controle Populacional de Animais no Município.

Já foram realizadas reuniões com a Universidade a fim de dar prosseguimento e efetiva realização do serviço que é objeto do convênio. Cabe salientar que está agendada para a próxima terça-feira (13), uma nova reunião para tratar a respeito do assunto.

Demonstramos assim, a atuação e preocupação da Administração Municipal quanto ao cuidado dos animais (especificamente, cães e gatos), que buscou de forma legal, instituição habilitada para desenvolver o projeto em nosso Município”.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.