Polícia Civil elucida homicídio de homem que levou 16 facadas, no Oeste

Chapecó – Nesta terça-feira (10), o delegado da Divisão de Investigação Criminal (DIC), da Polícia Civil, Vagner Papini, em entrevista coletiva contou os detalhes da morte de Lucas Machado, de 20 anos, ocorrido no dia 04 de novembro, em Chapecó (SC). Segundo investigação da DIC, o caso foi registrado no bairro Efapi, em Chapecó (SC).

Segundo Vagner, a vítima estava em um parque com um grupo de amigos quando o fato ocorreu. Ele foi esfaqueado 16 vezes no peito. A vítima conseguiu sair do local do fato e pedir socorro para uma senhora. O homem foi encaminhado para o Hospital Regional do Oeste (HRO) onde ficou internado até o dia 19 de novembro. Ele não resistiu e faleceu.

Motivação

Segundo o delegado, Lucas estava com um grupo de amigos. Uma jovem de 13 anos estava junto com a vítima. Após ingerirem bebidas de álcool, a menor de idade se direcionou até outro grupo de pessoas. No local, estava o suspeito de cometer o crime.

Após ver a jovem junto com o outro rapaz, Lucas foi tirar satisfação com o suspeito. O envolvido, deixou o local do fato e só retornou após alguns minutos armado com uma faca. O homem foi até Lucas e o golpeou.

O jovem conseguiu caminhar por cerca de 50 metros até uma residência próxima, onde pediu ajuda para uma mulher.

A prisão

Após ouvir testemunhas e investigar o caso, os policiais da DIC foram até a residência do suspeito. Chegando no local, o homem negou todos fatos. Porém ao consultar o nome do suspeito no sistema, os policiais confirmaram que ele estava em liberdade mas respondia pelo homicídio de, Alexandre Lemes dos Santos, praticado no dia 17 junho de 2018.

Após alguns minutos de diálogo com o suspeito, ele confessou ter esfaqueado Lucas Machado.

Na residência do suspeito foi encontrada a tornozeleira eletrônica que ele devia usar. O homem havia removido o objeto da perna antes de cometer o crime contra Lucas.

Conclusão

O suspeito foi preso e vai responder por dano ao patrimônio público e homicídio qualificado por motivo fútil, com pena de 12 a 30 anos de prisão.  (Informações ClicRDC)

Foto: Mathias Brasil/ClicRDC

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.