Polícia mantém cerco a quadrilha que tentou assaltar carros-fortes

Campos Novos – As polícias Civil e Militar continuam a mobilização no intuito de localizar a quadrilha que tentou assaltar dois carros-fortes na manhã desta terça-feira (10) na SC-355 em Fraiburgo. O fato ocorreu por volta das 9h30min no trecho entre Fraiburgo e Videira. Os bandidos fugiram em direção a Monte Carlo e Campos Novos, se embrenhando na mata.

A polícia já tem suspeitos. Alguns deles já são foragidos segundo o sistema prisional do Rio Grande do Sul. “Foram feitas buscas intensas à noite e de madrugada. Os foragidos estão escondidos no mato onde só entra o Bope. Há várias barreiras. A região está toda cercada. Há o medo do inesperado por parte dos moradores da região, mas a presença intensa da PM gera segurança, disse o comandante da 3ª Companhia de Polícia Militar, capitão Marcelo Macedo, em entrevista à Rádio Cultura.

Conforme o comandante, há um posto de comando entre Espinilho e Marari. O capitão recomenda cautela à população e pede a colaboração para repassar informações à PM.

No ataque aos carros-fortes, os assaltantes trocaram tiros com os vigilantes. Em seguida os veículos de transporte de valores conseguiram sair da emboscada, nas imediações do acesso ao Parque Oásis. Um veículo foi incendiado sobre uma ponte e outro em estrada de terra próximo ao local da abordagem. Próximo a ele havia explosivos. Mais tarde outro veículo foi encontrado incendiado no interior de Ibiam. O helicóptero Águia foi solicitado para ajudar nas buscas.

Os carros-fortes foram escoltados pela PM até Videira. Em pelo menos um deles havia marcas de tiros. Os criminosos estariam utilizando roupas pretas, semelhantes às usadas pelo Batalhão de Operação Especiais (BOPE) e estão fortemente armados.

Na fuga em direção a Campos Novos, os bandidos estariam em posse de um Fiat Palio placas MKJ-7755, e de um Gol branco placas AYE-4180, ambos roubados. Qualquer informação sobre esses veículos ou de movimentação suspeita deve ser repassada imediatamente à Polícia Militar.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.