Primeira Miss Brasil catarinense, Vera Fischer completa 70 anos

A modelo e atriz segue ativa; com trabalhos já engatilhados para 2022(Foto: Gshow/Reprodução)

Santa Catarina – Vera Fischer completou 70 anos de idade neste sábado (27): a atriz nasceu em Blumenau no dia 27 de novembro de 1951. Primeira Miss Brasil catarinense, Vera conquistou o título em 1969 – e, em seguida, embarcou em uma bem-sucedida carreira de atriz; sendo hoje considerada um dos maiores ícones da dramaturgia brasileira.

– Me sinto um mulherão! O que eu leio e o que eu ouço das pessoas é que agora estou melhor: “Ela está mais bonita do que na novela O Clone“, declarou Vera sobre o aniversário, segundo publicação do Gshow. – E eu acho isso também, porque hoje tenho uma liberdade que me deixa fazer o trabalho que eu quiser, e isso me torna tão dona de mim que me sinto melhor. Não penso em fazer plástica no rosto, não quero ficar com aquela cara esticada.

A modelo e atriz segue ativa; com trabalhos já engatilhados para 2022. Pinta; e também escreve, já tendo publicado quatro livros: Vera, A Pequena Moisi; Um Leão Por Dia; Serena e Lucíola.

O que eu mais gosto de fazer é trabalhar. Minha vida não faz sentido sem trabalho – disse, na entrevista ao Gshow. – Algumas mulheres precisam de um relacionamento afetivo para ser feliz, precisam de um marido. Eu preciso do trabalho. Sou independente. Tive dois casamentos, alguns namorados, e isso não necessariamente me faz falta. O trabalho, sim, me faz falta. Quero trabalhar até meus 100 anos, quero fazer uma festa maior e melhor do que a dos meus 50.

Miss Brasil e carreira

Vera Fischer venceu o Miss Blumenau aos 17 anos de idade; e em seguida ficou em primeiro lugar no concurso nacional Miss Brasil, com final no Ginásio do Maracanázinho, no Rio de Janeiro (RJ). O curioso é que Vera não pôde participar do concurso Miss Universo, que só aceitava candidatas maiores de 18 anos.

O primeiro trabalho da catarinense no cinema foi em 1972, em Sinal Vermelho – As Fêmeas. Se destacou no filme Intimidade, pelo qual venceu o prêmio de Melhor Atriz no Troféu APCA. Na televisão, estreou em 1977, em Espelho Mágico; e foi indicada ao prêmio de Melhor Atriz no Troféu Imprensa quatro anos depois, pela novela Brilhante. Ao longo da carreira, atuou em tramas como Mandala, O Clone e Laços de Família.

Infância em Blumenau

A família de Vera Fischer, de classe média, era de origem alemã: sua mãe, Hildegard Berndt, era brasileira, neta de alemães; e o pai, Emil Fischer, era nascido na Alemanha, em Karlsruhe. Emil era comerciante, dono de uma loja de tecidos; e Hildegard, costureira, trabalhava na fábrica de linhas Hering.

Em sua autobiografia, Vera descreveu o pai como “nazista convicto”; dizendo que ele a obrigava, na infância, a ler Mein Kampf, o livro escrito pelo ditador Adolf Hitler. Até os cinco anos de idade, a atriz falava apenas alemão; tendo aprendido português em seguida, na escola.

Catarinenses no Miss Brasil

Depois de Vera Fischer, mais quatro catarinenses já venceram o Miss Brasil: Ingrid Budag, de Blumenau, em 1975; Isabel Beduschi, de Blumenau, em 1988; Taíza Thömsen, de Joinville, em 2002; e Carina Beduschi, de São José, em 2005.

Carina, a Miss Brasil catarinense mais recente, é prima de Isabel, que foi Miss Brasil em 1988. Apesar de nascida em São José, Carina venceu o Miss Florianópolis, tendo representado a cidade no Miss Santa Catarina que a levou ao concurso nacional.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.