Projeto Recuperar já muda cenários em algumas rodovias estaduais da região

Foto:Divulgação

Os trabalhos do Projeto Recuperar, realizados pelo Consórcio Interfederativo Santa Catarina – CINCATARINA, estão a todo vapor. Além do levantamento das demandas nas rodovias regionais atendidas pelo Consórcio, e da operação de manutenção e conservação dos trechos, nessa semana iniciou também os trabalhos de limpeza de plataformas, com roçadas e desobstrução de canaletas. A empresa está com uma frente de trabalho na SC-350, entre Lebon Régis e Caçador.

A execução está sendo realizada pela empresa Observes, vencedora do tramite licitatório para um dos trechos. Com uma equipe de trabalho devidamente identificada, a empresa está realizando a demandas preconizada, contribuindo para a maior visibilidade no trecho.

Segundo o engenheiro, responsável pelo Projeto Recuperar no Cincatarina, Mauricio Perazzoli, o serviço de limpeza é essencial para garantir maior segurança aos usuários, bem como, durabilidade no pavimento “É menos água na pista o que diminui os riscos de acoplanagem, bem como, ameniza a deteriorização que a água ocasiona no pavimento” afirmou.

A limpeza de plataforma com roçadas e desobstrução de canaletas foi licitada em nove lotes, tendo uma economia média de 20% do projetado. A ação será demandada continuamente, até atender todas as áreas atendidas pelo CINCATARINA. Atualmente o consórcio responde por 1.6 mil quilômetros de rodovias estaduais em 64 municípios catarinenses. Já foram descentralizados mais de 3.2 milhões de um total de 12.8 milhões previstos no convênio

Como estão os trabalhos
Além da SC-350, no trecho entre Caçador a BR-116, o Cincatarina também está com frentes de trabalho em outras regiões. Nesta quarta-feira, dia 20, a empresa responsável pela manutenção e recuperação iniciará os trabalhos na região de São Francisco do Sul. Também já foram realizados levantamentos nos municípios da região de Joinville, como Itapoá, Garuva e Rio Negrinho, bem como, em algumas rodovias de Campos Novos, Zortéa e Celso Ramos. Essa semana também iniciarão os levantamentos na região da Associação de Municípios do Alto Irani. (Ascom)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.