Sai sentença do processo de roubo a farmácia no centro de Capinzal

Capinzal – A Justiça de Capinzal proferiu sentença no processo do roubo a uma farmácia no centro de Capinzal. O Ministério Público denunciou duas pessoas pelo suposta prática do crime. O magistrado julgou parcialmente procedente a denúncia e condenou Maycon Júnior Martins Godinho Gomes, 32 anos, ao cumprimento de 5 anos e 4 meses de reclusão em regime inicial fechado. O outro denunciado, A.J.R., 24 anos, foi absolvido por insuficiência de provas.

O crime ocorreu em estabelecimento localizado na rua Vereador Rolindo Casagrande, no centro da cidade. A dupla havia sido denunciada pelo MP. Gomes e A.J.R foram presos no dia 28 de junho numa ação integrada entre as polícias Civil e Militar. O crime ocorreu na noite do dia 14 de junho.

Gomes foi considerado o autor do roubo e A.J.R  seria o suposto comparsa.  Na fase policial ambos permaneceram em silêncio, reservando-se no direito de se manifestarem-se somente em juízo. No entanto, na fase processual, apenas Gomes foi considerado culpado. No dia do assalto o criminoso utilizou um facão para render a atendente e levar R$ 100 que estavam no caixa da farmácia.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.