Secretário da ADR Joaçaba expõe ações do Estado em sessão itinerante da Câmara de Capinzal

Capinzal – A Câmara de Vereadores de Capinzal realizou na noite desta terça-feira (04) a primeira sessão descentralizada desta legislatura no distrito de Alto Alegre. A sessão ocorreu nas dependências da Escola Ivo Silveira.

A sessão itinerante foi prestigiada pelo secretário-executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Joaçaba, Rafael Laske, da gerente regional de Eduacação, Seila Eliane Ribeiro, da assessora de comunicação da ADR, Mayelle Hall, do prefeito Nilvo Dorini, do secretário de Infraestrutura Sandro Toaldo, da secretária de Saúde Kamile Sartori Beal, e do ex-vereador e ex-vice-prefeito, o empresário João Silva de Andrade.

Atendendo a convite do vereador Kelvis Borges e do presidente do Legislativo Gilmar Junior da Silveira (PSD), Laske fez a apresentação das obras realizadas pelo governo do estado na região. Várias ações foram elencadas nos mais diversos setores públicos.

Entre as solicitações, Laske ouviu o pedido de apoio para a pavimentação da estrada que liga a SERP até a comunidade de Capitel Santo Antônio, passando por Alto Alegre e Lindemberg. O prefeito Nilvo Dorini destacou que existe um projeto desenvolvido na mesma época em que foi autorizada a pavimentação da estrada que liga a Barra do Leão, onde o Tribunal de Contas do Estado teria apontado uma série de restrições ao projeto. A partir daí o projeto ficou parado. O trecho tem extensão de 11 km.

O secretário-executivo se dispôs a intermediar o pedido junto ao secretário de estado da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, e destacou que a busca pelos recursos deve ocorrer neste ano, uma vez que 2018 é um ano eleitoral e dificilmente haverá o repasse.

Outro pedido ao governo foi para a recuperação da SC-150 entre Capinzal e Piratuba. Laske disse que percorreu o trecho e constatou que é necessário um recapeamento, uma vez que a estrutura não tem mais condições de continuar somente com tapa-buracos. Da mesma forma, o secretário enfatizou o apoio ao pleito da comunidade, bem como para a recuperação da SC-135 que liga Piratuba à Usina Hidrelétrica Machadinho. “O trecho está num impasse se é do Estado, se não é do Estado, se é do município, mas uma coisa é certa, temos que ajudar a resolver aquela situação porque Piratuba é um município turístico e recebe milhares de turistas anualmente”, definiu.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.