Sepultura é aberta e corpo de mulher é encontrado seminu fora da cova

Corpo foi encontrado há quase 10 metros da cova – Foto: Divulgação Polícia Civil

A cidade de Gravataí, no Rio Grande do Sul, teve uma segunda-feira um tanto quanto bizarra. O túmulo de uma mulher, recém-enterrada, foi violado no cemitério Rincão da Madalena. O corpo foi encontrado a oito metro do local onde havia sido enterrado, seminu e “com sinais claros de abuso sexual!?!” As informações são do portal NH.

Parentes acionaram a polícia tão logo chegaram ao local do enterro, percebendo a sepultura violada. Seguindo pedaços de tecido rasgado, encontraram o corpo da mulher, diante da cena macabra.

O delegado Márcio Zachello é quem está à frente das investigações. Entretanto, ainda não há pistas sobre o autor do crime bizarro. “Vamos ter que conversar com familiares para ver se encontramos algum suspeito. No entanto, ainda é cedo para fazer observações”, disse.

Ainda segundo o portal, no local do crime havia cruzes pintadas em algumas árvores, o que pode sugerir algum ritual macabro. “Agora é aguardar as investigações”, completou o delegado. “Todas as situações serão avaliadas, conforme a elaboração do laudo e do trabalho técnico”, finalizou.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.