Home Notícias Região Criminosos queimam ônibus fecham vias e matam policial do BOPE em confronto no Rio

Criminosos queimam ônibus fecham vias e matam policial do BOPE em confronto no Rio

0
Criminosos queimam ônibus fecham vias e matam policial do BOPE em confronto no Rio
Foto: Reprodução

Durante a operação da Polícia Militar, nesta terça-feira, no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio, bandidos fecharam a Avenida Brasil e a Linha Vermelha. Equipes foram para as vias expressas. Na Avenida Brasil, um ônibus foi incendiado na pista sentido Zona Oeste, na altura da Vila do João e perto da Fiocruz. O coletivo fazia a linha 361 (Recreio dos Bandeirantes x Castelo). A PM, em seu perfil oficial no X (antigo Twitter), afirma que as duas vias estão com policiamento reforçado.

O Centro de Operações Rio (COR) informou, às 10h40, que a Avenida Brasil estava parcialmente interditada devido ao incêndio no ônibus. A pista lateral está interditada e a central está parcialmente liberada no sentido Zona Oeste, na altura da Fiocruz Manguinhos. Equipes seguem no local. Há congestionamento no trecho.

A Linha Vermelha chegou a ser interditada no sentido Centro, às 10h33, informou o COR. O trânsito ficou parado devido à ocorrência policial na via. A via foi aberta cerca de 13 minutos depois. O trânsito flui sem complicações.

Nas redes sociais, internautas relatam momentos de pânico enquanto passavam pelas vias expressas da cidade:

“Indo para Botafogo e, do nada, escutando granada explodindo, Linha Amarela e Linha Vermelha fechadas por causa de tiroteio. Minha mãe, igual ‘Velozes e Furiosos’, dando ré na Brasil, ônibus pegando fogo”, escreveu uma usuária no “X” (antigo Twitter).

“Começar o dia fugindo de tiroteio na Linha Vermelha para lembrar a emoção de morar no Rio. Evitem a região”, escreveu outra.

“Operação na Maré parou TODO o trânsito na Avenida Brasil. Tá literalmente TUDO parado. Impressionante como essas operações prejudicam a vida de tantos trabalhadores. Tudo isso pra matar soldados do tráfico que são substituídos no segundo seguinte e sequer enxugam gelo”, escreveu um usuário da rede social X, às 11h03.

Atuam na Maré equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope), com o apoio do 22º BPM (Maré). Os agentes apreenderam carros. Um esconderijo de drogas foi encontrado. O local, de acordo com a PM, também é utilizado para embalar de entorpecentes.

Por causa da operação, 43 escolas das redes estadual e municipal suspenderam as aulas.

Em nota, a Secretaria municipal de Educação informa que 41 unidades escolares estão fechadas por conta das operações policiais na Maré. A Secretaria de Estado de Educação confirmou, também em nota, que duas escolas precisaram ser fechadas na região, afetando aproximadamente 900 estudantes no turno da manhã e destaque que “mantém diálogo permanente com as polícias Militar e Civil e vem acompanhando os registros feitos pelas unidades escolares através do Registro de Violência Escolar (RVE)”.

A Secretaria municipal de Saúde afirma, em nota, que três unidades tiveram o funcionamento suspenso nesta manhã por questões de segurança, sendo elas, o Centro Municipal de Saúde Vila do João e as Clínicas da Família (CF) Adib Jatene e CF Augusto Boal. Foi acionado “o protocolo de acesso mais seguro e, para segurança de profissionais e usuários, interromperam o funcionamento na manhã desta terça-feira”, diz trecho. A CF Jeremias Moraes da Silva mantém o atendimento à população, mas teve impacto em parte das ações, com suspensão das “atividades externas realizadas no território, como as visitas domiciliares”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.