Adolescente é estuprada em Fraiburgo após conversa pelo WhatsApp

Fraiburgo – Um caso de estupro de vulnerável foi registrado em Fraiburgo nesta sexta-feira, 14, quando uma menor de idade, em conversas com homem através do aplicativo Whatsapp, foi convencida pelo autor do crime a cometer o ato sexual.

Durante as conversas com o acusado, este teria convencido a menor de idade a marcar um encontro, fato que acabou acontecendo na sexta feira (14) quando, utilizando um veículo 4 portas, o homem levou a menor até a estrada geral de acesso ao Bairro São Miguel, onde o ato foi consumado.

A família da adolescente percebeu que ela teria retornado para casa por volta das 15 horas, com um semblante de tristeza e logo deslocado para o banheiro, Uma pessoa responsável por ela, percebeu que havia um sangramento intenso e questionou, sendo informada pela menor que seria o ciclo menstrual, porém, mais tarde a vítima confessou a uma amiga, o estupro sofrido dentro do veículo do suspeito.

Bombeiros, Policia Militar e Conselho Tutelar, atuaram nesta ocorrência, a vítima precisou ser levada ao Hospital, onde permaneceu internada.

A Policia Civil foi comunicada para o prosseguimento das investigações e o celular da vítima foi apreendido pelos policiais militares para os procedimentos do Instituto Geral de Pericias.

Segundo informações, a adolescente teria problemas mentais e no passado já havia frequentado a APAE em outro município do Meio Oeste catarinense.

O caso chama a atenção pela forma com que ocorreu, já que a adolescente ficou machucada e com trauma psicológico, após ter sido aliciada via Whatsapp, fatos que serão dirimidos durante as investigações policiais que seguem em andamento.

Por se tratar de estupro de vulnerável, todos os detalhes que possam colaborar para o reconhecimento da vítima foram suprimidos da reportagem, ficando apenas o fato em si, que serve como alerta para os pais, crianças e adolescentes, sobre as conversas nos aplicativos que hoje são naturais, exigindo um certo controle para evitar situações tristes como essa, que deixam marcas para a vida da vítima. (Com informações da Rádio Fraiburgo)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.