Cadela estuprada por detento no parque de máquinas de Joaçaba ganha novo lar

Joaçaba – Conforme adiantou o prefeito Dioclésio Ragnini, na tarde desta terça-feira, 22, a cadela que foi vítima de um estupro no parque de máquinas da prefeitura de Joaçaba, foi entregue para sua nova cuidadora.

O animal vivia no pátio do espaço público com mais dois cães, sendo que um deles já havia sido resgatado também na tarde de ontem pela ONG Bom Pra Cachorro.

A entrega da cachorra foi feita pelo secretário de obras Vilson Sartori. Sabrina Lopes, que adotou a cadela, esteve acompanhada por Tere Romanetto, da ONG Bom Pra Cachorro. Agora, ela receberá cuidados veterinários e também reabilitação através da ONG e de sua nova cuidadora.

O caso

O prefeito informou que assim que soube do abuso da cadela, cometido por um detento do presídio de Joaçaba que fazia serviços no local, um processo administrativo foi instaurado, para saber as circunstâncias em que o fato aconteceu e por que houve a demora em levar o animal para receber atendimento veterinário, já que foi registrado no sábado, dia 12, e a cadela só recebeu atendimento veterinário no dia 17, quinta-feira.

A assessoria jurídica da prefeitura de Joaçaba informou ao Portal Éder Luiz que o preso perdeu o direito de trabalhar fora da unidade prisional, voltando ao regime fechado.

A prefeitura mantém um convênio com o presídio para ressocialização dos presos e é a direção da unidade que determina quais podem ser aproveitados em trabalhos externos.

O crime também será apurado pela Polícia Civil. (Éder Luiz)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.