Produtores de leite participam de reunião na Fazenda sobre nova política industrial de SC

Estado – Para discutir a nova política industrial catarinense, o secretário de Estado da Fazenda (SEF), Paulo Eli, esteve reunido nesta quarta-feira, 20, com representantes da pecuária leiteira e criadores de bovinos. “Existe uma defasagem entre os preços dos produtores e o preço final de venda. Quem produz fica com a menor parte. Estamos trabalhando para equilibrar os benefícios que são concedidos para toda a cadeia produtiva para, assim, aumentar a renda das famílias que trabalham no meio rural”, explicou o secretário.

O presidente do Conselho Paritário de Produtores e Indústrias de Leite de Santa Catarina (Conseleite), José Carlos Araújo, afirma que os pequenos e médios produtores precisam de apoio para continuar suas atividades. Santa Catarina tem cerca de 60 mil produtores rurais que trabalham com a ordenha de vacas e a produção de leite no Estado é superior a 3,5 bilhões de litros por ano, sendo o quarto maior do país.

Um outro encontro será organizado pela Secretaria de Estado da Agricultura e Pesca (SAR) na quinta-feira, 28, da outra semana. Participaram da reunião na SEF a 1ª secretária da Associação Catarinense de Criadores de Bovinos (ACCB), Maria Effting; os produtores Selma Tenfen e José Tenfen e parlamentares.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.